Marketing

7 dicas para usar SMS no varejo e aumentar suas vendas

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

Você sabia que utilizar SMS no varejo pode ser uma ótima forma de aproximar o seu relacionamento com o seu cliente? Isso mesmo!

Engana-se quem pensa que o “WhatsApp matou o SMS” ou que ela não é mais eficiente para o seu negócio. Muito pelo contrário: todos os canais de comunicação são complementares uns aos outros. Assim, utilizar um deles não significa ter que deixar outro de lado. Ademais, eles devem ser usados em conjunto, com maestria, para reforçar a comunicação da sua marca.

Pois bem, dito isso, hoje queremos te mostrar que usar SMS no varejo é uma estratégia efetiva, eficiente e que não pesa para o seu bolso. Além disso, ela pode ser utilizada tanto para atrair os seus consumidores fiéis quanto para reativar os clientes inativos. Porém, para isso, ela precisa ser bem utilizada pelo seu negócio. 

O que é SMS?

SMS é a sigla de Short Message Service. Em português, essa expressão pode ser traduzida como “Serviço de Mensagens Curtas”. Assim sendo, como o próprio nome sugere, SMS é uma ferramenta de comunicação utilizada para enviar textos curtos para os aparelhos celulares.

Desempenhando um papel importante no marketing das empresas, o sms no varejo pode ser usado para:

  • Envio de campanhas promocionais segmentadas;
  • Relembrar o seu cliente sobre a sua marca;
  • Incentivar interações do seu cliente com o seu varejo.
  • Complementar as estratégias de e-mail marketing e redes sociais, entre outros. 

De entrega imediata, com leitura de no máximo 3 minutos e taxa de abertura que chega a até 98%, o SMS é uma importante ferramenta para a sua estratégia de comunicação e não deve ser deixada de fora.

7 dicas para usar SMS no varejo

1. Tenha o contato atualizado dos seus clientes 

Ninguém gosta de receber SMS – ou qualquer tipo de mensagem pessoal, – de alguém que não pediu o seu contato. É invasivo e vai contra as boas práticas de comunicação.

Por isso é muito importante que você garanta que o seu cliente ofereça, de bom grado, o seu número pessoal de telefone celular. Quando o consumidor aceita fazer parte do seu Clube de Descontos, por exemplo, ele precisa oferecer o número de celular para o seu varejo.

Assim, você poderá utilizar esse número para enviar SMS’s relevantes e que mantenham o seu cliente por perto, ciente das ofertas especiais e campanhas da sua loja. 

2. Objetivo bem definido – se possível, com um link ao final

O SMS no varejo deve ser enviado com o objetivo muito bem definido. Como as mensagens são curtas e devem ter, no máximo, 160 caracteres, é essencial que você pense bem em qual campanha irá enviar e como irá enviar.  

Você pode apenas redigir algumas ofertas especiais em formato de texto. Porém, para melhores resultados, uma dica é você complementar o texto do SMS com um link que irá direcionar o cliente para o endereço digital que você deseja. Um exemplo é mandar o link de um tabloide digital, de um cupom de desconto, de uma landing page ou do seu site, informando a loja mais próxima para o cliente. 

3. Crie senso de urgência

Para ter um resultado ainda melhor utilizando SMS no varejo, coloque um prazo de validade para as suas ações, criando um senso de urgência e de curiosidade no seu cliente. Por exemplo: “Só hoje você encontra o produto X por YY reais. Aproveite!”

4. Segmente para melhores resultados 

O SMS no varejo é um meio de comunicação altamente pessoal, assim como o e-mail. Por isso, para que ele seja ainda mais valioso e traga resultados impressionantes para a sua marca, faça uma boa segmentação dos seus contatos.

A segmentação dos seus contatos é uma forma de você mostrar para o seu cliente que você sabe exatamente quem ele é e o que ele costuma comprar na sua loja. Esse conhecimento pode ser usado em datas comemorativas sazonais ou para ofertas para reativar, atrair e/ou fidelizar seus clientes. Confira alguns exemplos: 

Data festiva – Dia da Mulher

  • Segmentação: clientes mulheres à partir de 18 anos. Tanto clientes ativas quanto inativas. 
  • Exemplo de texto: “Feliz dia da mulher! Apresente esse SMS no caixa e ganhe 10% de desconto na sua compra de hoje”

Público específico – setor petshop

  • Segmentação: pessoas que compraram no setor de petshop da sua loja nos últimos 3 meses.
  • Exemplo de texto: “Ofertas exclusivas do Clube de Descontos [NOME DO MERCADO] para você, que ama seu pet! Acesse o link e confira: [link do encarte] Ofertas válidas até amanhã”

Reativação de clientes 

  • Segmentação: clientes inativos, que não visitaram a sua loja nos últimos 30 dias.
  • Exemplo de texto: “[Primeiro nome], estamos sentindo a sua falta! Confira as ofertas exclusivas que preparamos para você: [link para ofertas]. Preços válidos até [uma semana de prazo]”. Aproveite!

Para os clientes inativos, resgate o histórico de compra deles, veja o que eles costumavam comprar e, dentro das suas limitações de valores, busque oferecer uma oferta imperdível. 

5. Leia, releia, revise…

São é porque é curto que o SMS no varejo pode ser mandado “de qualquer jeito”. Muito pelo contrário!

Exatamente por ser um meio de comunicação altamente objetivo e direto, é fundamental que você tenha uma grande atenção com a língua portuguesa e a ortografia da sua mensagem. Aposte em textos curtos, de fácil entendimento e que não deixem espaço para dúvidas ou duplos sentidos.

Por isso: escreva, leia, releia, revise e peça a opinião de outras pessoas para garantir que a sua SMS no varejo está impecável.

6. Não seja inconveniente ao mandar SMS no varejo

Você ter o contato e a autorização dos seus clientes não é o desculpa para bombardeá-los de mensagens ou enviá-las em horários inadequados. Assim sendo, não seja aquela marca inconveniente, que manda SMS após o horário comercial ou com mensagens que não possuem um conteúdo relevante para o seu cliente, apenas “enchendo linguiça”.

7. Mensure os resultados das suas ações

Como saber se as campanhas de SMS feitas pelo seu varejo estão efetivamente funcionando? Metrificando e mensurando os resultados dela.

Para isso, pode ser interessante utilizar uma ferramenta completa de CBM, como a da Mercafacil, por exemplo. Com ela, você tem dados o suficiente para saber, dentre os clientes que receberam o SMS, quantos – e quais deles – foram até a sua loja no período de validade das ofertas e o que eles compraram.

Ter esses dados é fundamental para garantir que as suas campanhas não sejam feitas baseadas em “achismos” e, principalmente, para você definir quais ações podem ser mantidas daqui para frente, quais devem ser melhoradas e quais podem ser descartadas. 

Hora de começar a usar SMS no varejo!

Gostou de saber um pouco mais sobre como usar SMS no varejo? Ficou com alguma dúvida no assunto ou não sabe como começar a aplicar essa estratégia nos seus negócios? Então aproveite e agende agora mesmo uma reunião gratuita com um dos nossos especialistas e saiba como a Mercafacil pode te ajudar a transformar o envio de SMS em uma poderosa estratégia de marketing para o seu supermercado.

Jornalista graduada pela PUC-PR. Analista de Marketing com foco em produção de conteúdo estratégico na Mercafacil.

Write A Comment